pre-rc RAÇAS - PRADARIA DOS BESTIAIS

Ir em baixo

pre-rc RAÇAS - PRADARIA DOS BESTIAIS

Mensagem por dr_Hardman em Ter Jan 23, 2018 8:18 am

MINOTAURO



Além de seu porte poderoso, o Minotauro possui uma grande cabeça de touro - com variações próximas ao bisão. Alguns possuem o corpo todo coberto de pelos. Estes, ficam mais grossos na região do antebraço e da cintura, ao redor da virilha e pernas.
Os Minotauros são uma das "novas raças" chamadas de Bestiais, colocadas nas Padrarias ao sul dos Bosques verdes. É a raça mais populosa da região, e também a mais belicosa.
Por quase toda a sua existência eles guerrearam com os Centauros - a segunda mais populosa das raças bestiais - mas jamais seu conflito chegou a uma conclusão devido à tomada da Pradaria pelo Império Áureo. Os Minotauros respeitam aqueles que os superaram em combate, mas suas rusgas ancestrais com os Centauros permanecem ainda hoje.
Poucos Minotauros se aventuram longe das pradarias. Normalmente aqueles que compõem o novo exército auriano conta com quase a totalidade desses. Mas para muitos, assimilar a "paz dos humanos" com seu instinto guerreiro os levam para longe de casa, buscando motivos para lutar.
Minotauros possuem um dialeto próprio variante do gigante, mas que caiu em desuso. A maioria adotou o Comum

ATRIBUTOS: +2 de força, e +1 em um dos seguintes: Força, Inteligência, Sabedoria

Relação com outras raças: Minotauros respeitam os Humanos e elfos, cujas armadas os sobrepujaram no passado. Possuem uma rivalidade "amigável" (e nem sempre retribuída) com os anões. Para com os Centauros, possuem ódio ancestral. Se não fosse a lei imperial, eles estariam em guerra neste exato momento. Raças menores e mais "frágeis" como Halflins, gnomos e Felitri são menosprezadas por eles.

Quadro: Raça em Jogo (resumo do que foi apresentado no texto).

Alinhamento - Leal

Tamanho - Médio - embora indivíduos alcance medidas de gigante

Expectativa de vida - Amadurecimento aos 14 anos, e envelhecimento lento até os 130.

Movimento Base - 9 metros

Características peculiares gerais.
- CHIFRES - Armas naturais. 1d10 dano perfurante; Vantagem no teste de empurrar, mas não em resistir a ser empurrado.
- Golpe de Chifre - Quando faz um ataque corpo-a-corpo, você pode usar sua ação bônus para empurrar a criatura.
- Carga em disparada - Quando o Minotauro faz uma manobra de DASH, pode realizar 1 ataque com os chifres em qualquer alvo adjacente a seu caminho.
- Porte bovino - Minotauro é considerado de tamanho grande para definir capacidade de carga.

Idiomas – Gigante e comum.


CENTAURO


Um dorso humanoide – mais próximo dos elfos que dos humanos – prostrado em um corpo equídeo – onde deveria existir uma cabeça de cavalo. Eis o centauro, senhores das matas fechadas da Pradaria dos Bestiais, a segunda raça mais populosa da região.
Apesar da aparência esguia do dorso, os centauros não devem nada em força aos seus inimigos Minotauros. Sua “metade cavalo” possui grande força, e projeta-se em grande velocidade, tornando-os a mais ligeira das infantarias.
Mas apesar da guerra, os Centauros preferem viver em paz, seguindo os ensinamentos da Deusa da Caça. Por isso a sujeição aos humanos do Império Áureo foi-lhes benéfica. Forçou os “touros brutos” a cessar suas campanhas. Contudo, conflitos isolados ainda existem, e embora pacíficos, centauros não são tolerantes.

ATRIBUTOS: +1 em Força, +2 em Destreza

Relação com outras raças: Centauros são muito próximos do equilíbrio com a natureza, e por isso se aproxima de elfos. Os humanos são “intrusos úteis”, mas vistos com desconfiança. Centauros desprezam orcs e Rez’ren, perversões ao natural. Mas eles possuem maior ressentimento pelos Minotauros. Mesmo perdendo na história a razão do conflito, eles sabem que mesmo se forem tolerantes, os “touros brutos” darão razão para conflito.
Quadro: Raça em Jogo (resumo do que foi apresentado no texto)

Alinhamento - caótico

Tamanho - Grande (largo). Passam fácil dos 2m de altura e 200 kg.

Expectativa de vida - Maturidade aos 16 anos, mas dificilmente vive além dos 60.

Movimento Base - 15 metros

Características peculiares gerais.
Corpo centáurico – Centauro recebe o talento Atletismo (exceto para escalar. Tal tarefa é impossível para eles). E sempre é considerado apto e proficiente para combate montado.
Armas centauricas – O Arco é um símbolo dos centauros das Pradarias, mas eles são igualmente proficientes com lanças.
Desbravador – Diferente dos cavalos normais, Centauros se deslocam normalmente em terrenos difíceis.
- Presença – Centauros jogam com desvantagem testes de furtividade, acrobacia e a maioria dos testes de prestidigitação (critério do narrador).
- Armas naturais – Centauros também podem atacar com os cascos – causando 1d6 de dano.
Armamento – Centauros são considerados criaturas de tamanho Grande, mas usam armas e instrumentos como criaturas médias. Armaduras e calços precisam ser adaptados. Centauros podem usar ferraduras de animais similares – inclusive mágicas – mas as armaduras precisam ser específicas para centauros (que envolve um aumento de 4x no custo).

Idiomas – silvestre e comum.


ÁRIES


O Arie é um humanoide baixo, aparência muito similar à dos Halflins, exceto pelos chifres de carneiro e da cintura para baixo peludo com cascos de bode. Enquanto muitas raças clamam terem sido criadas por um ou outro deus, os Áries clamam terem “um pouquinho de cada um”.
Realmente, em rituais tomados ao longo da vida, o Arie adota uma divindade maior do panteão como sua “guia”. Geralmente essa escolha define seu temperamento e múltiplos aspectos sociais de sua vida. A proporção de clérigos e usuários de magia divina nesta raça é muitas vezes maior do que qualquer outra raça mortal.
Apesar disso, as comunidades de Áries são muito unidas. Mesmo com “deuses rivais” morando em um mesmo teto, nada mais grave que a rivalidade de irmãos ocorre.

ATRIBUTOS: +2 em Sabedoria, +1 para colocar em destreza, constituição ou sabedoria.

Relação com outras raças: Os Áries e sua pluricultura os tornam únicos no aspecto que não possui conflitos com nenhumas das raças, exceto a nível individual. Jamais se envolveram nos conflitos entre Minotauros e Centauros, nem impuseram condições na tomada do Império à Pradaria.
Quadro: Raça em Jogo (resumo do que foi apresentado no texto)

Alinhamento - Neutro (varia com a divindade).

Tamanho - Médio, entre 1,30 e 1,60 m.  

Expectativa de vida - Maturidade aos 12 anos, vivem saudáveis por pelo menos 2 séculos.

Movimento Base - 12 metros

Características peculiares gerais.
- Digestão de bode - Você tem vantagem nos testes de resistência contra veneno e tem resistência contra dano de veneno.
- Armas naturais – Áries também podem atacar com os chifres – causando 1d6 de dano.
- Magia Natural – Independente da classe, você pode lançar livremente um dos seguintes truques: Taumaturgia, Resistência, Orientação, Luz, Estabilizar ou Consertar.
- Guardados pelos deuses - Você tem vantagem nos testes de resistência contra ser encantado e a magia não pode colocá-lo para dormir.
- Sentidos - Você tem proficiência na perícia Percepção.

Idiomas – silvestre e comum.
avatar
dr_Hardman

Mensagens : 175
Data de inscrição : 27/05/2013

Ficha do Personagem
Escala de Poder: Heróica

Ver perfil do usuário http://drhardman.blogspot.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: pre-rc RAÇAS - PRADARIA DOS BESTIAIS

Mensagem por dr_Hardman em Ter Jan 23, 2018 9:19 am

Seguindo o tema zodiacal:

CÂNCERES


Humanóides altos e de aspecto brutal, cobertos com uma espessa casca protatora similar ao carangueijo. Possuem um par de poderosas garas no lugar de mãos - alguns possuem uma das duas particularmente grandes. Além delas, um par de garras menores surgem do dorso para atividades mais sutis como alimentação e higiene. Seus olhos são projetados para fora de sua carapaça como antenas, podendo retrair em combate.

A linha praiana do sul da Pradaria é acidentada e dificulta assentamentos. Mas essas criaturas surgiram após o domínio Auriano, clamando o terreno. Em outros tempos, o Império - ou mesmo os minotauros - marchariam em guerra contra esses alienígenas. Mas como a região é de pouco proveito econômico para outras raças que não esses anfíbios, as autoridades locais decidiram investir na diplomacia.

Com uma vida tribal de coletores, tanto em terra como poucos quilômetros além da praia, Cânceres são vistos com temor e repugnância pelas raças não familiarizados. Como seu status como cidadãos do Império ainda é incerto, muitas dúvidas surgem quando um desses se envolve em conflito com aventureiros ignorantes.

ATRIBUTOS: +1 de força, e +2 de Constituição

Relação com outras raças: Os Cânceres não conhecem as raças da superfície o suficiente para ter juízo de valor. Mas respeitam os humanos e os bestiais com quem tratam, embora a recíproca nem sempre seja verdadeira.

Quadro: Raça em Jogo (resumo do que foi apresentado no texto).

Alinhamento - Neutro é o padrão.

Tamanho - Médio - ealcançam facilmente 1,80 metros, e o porte volumoso devido à casca protetora.

Expectativa de vida - Amadurecimento aos 14 anos. Alegam viver por aproximadamente 150 anos, embora não tenha sido constatado.

Movimento Base - 7,5 metros em terra, 9 metros nadando.

Características peculiares gerais.
- Anfíbio - Câncer pode viver bem e indefinidamente na água ou no ar livre.
- Armadura natural - Sem nenhuma armadura, sua AC se torna 11 + bônus de Constituição. Pode usar escudos e manter esta característica.
- Garra em pinça - Seu ataque desarmado de corte causa 1d6 + Modificador de Força.

Idiomas – Aquan e comum.
avatar
dr_Hardman

Mensagens : 175
Data de inscrição : 27/05/2013

Ficha do Personagem
Escala de Poder: Heróica

Ver perfil do usuário http://drhardman.blogspot.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum